quinta-feira, 9 de outubro de 2008

O Mar


Tenho um olhar distante,
E o sol vagueia inconstante!
Chora mas nada canta.
Aquele vazio que me encanta
E tanto me faz pensar,
Na magia escondida no mar.
Eis o paraíso da tranquilidade,
As ondas lamentam, com suavidade,
A mais longa história de amor
Que em silêncio libertam a dor.
Daquela alma amargurada e fria
Que rolam durante o dia.
Assim esqueço-me do mundo,
Com o ego mais profundo,
Que me aquece o coração
Com a espuma da paixão,
Que salpica contra mim,
Sentada, na areia se fim.

6 comentários:

joana disse...

Mar confidente,as vezes conselheiro,outras vezes um porto de abrigo para encontrarmos o equilibrio que precisamos,é bom poder ouvir o mar.
Beijinhos e bom fim de semana

gaivota disse...

O mar para mim é um verdadeiro paraíso para o meu equilibrio.Adoro ouvir a mágica música do mar trás-me muita tranquilidade.
Beijinhos e um fim de semana para ti também

S.A. disse...

Tão bom contemplar o mar...

imensidão, paz, tranquilidade, novos horizontes...

1000 beijinhos e um bom fim-de-semana


Sandra

http://doismoranguinhos.blogspot.com

gaivota disse...

s.a. Não podias ter tanta razão é tudo isso e muito mais que as palavras não sabem expressar.
Beijocas Grandes

Pedro Barata disse...

Como dizia alguém tão popular, tranquilidade... ;)

gaivota disse...

Pedro barata essa pessoa tem toda a razão,tranquilidade é aquilo que eu sinto quando estou a beira mar.
Beijinhos e uma bos semana.